Edifício

Museu Histórico Nacional

Autor Archimedes Memória e Francisque Couchet
Ano de conclusão da construção 1762 - Casa do Trem
1764 - Edifício do Antigo Arsenal da Marinha
1822 - O quartel (atual anexo)
Ano da implantação do museu 1922
Tombamento O edifício e o acervo foram tombados pelo IPHAN em abril de 2001. A Casa do Trem já era tombada.
Uso original O museu é formado por três edifícios: Arsenal da Marinha, Casa do trem (depósito de material bélico da Artilharia Portuguesa) e o Quartel (anexo).
Estilo da Edificação Neocolonial
Intervenções Década de 20: Todo um andar foi edificado em torno do Pátio dos Canhões.
1930: Inauguração do 3º Andar do edifício.
1971: Reforma geral devido ao estado precário em que se encontrava o edifício. O IPHAN também retirou parte da maquiagem neocolonial com que se revestiu o prédio para a Exposição do Centenário, em 1922. A face colonial do conjunto tornou-se mais evidente, e a fachada deixou de ser rosa voltando ao branco do tempo de Brasil Colônia.
Década de 80: houve uma série de obras estruturais (saneamento, hidráulica, elétrica, segurança e telhados) visando adequar o edifício à função de Museu.
2000: Reinauguração da Casa do Trem, após um longo período em obras.
Área Total 3.000 m²
©2017 ARQUIMuseus : Grupo de Estudos de Arquitetura