Notícias

Acervo Severiano Porto: Uma conquista para a Amazônia

Nessa semana o acervo pessoal com desenhos, documentos, fotografias e premiações recebidas por Severiano Porto foi doado pela família do arquiteto à Universidade Federal do Amazonas para ficar sob guarda no NAMA – Núcleo Arquitetura Moderna na Amazônia na Faculdade de Tecnologia.

A negociação entre a família e a Universidade iniciou em outubro de 2020 e culminou com a assinatura do termo de doação em 3 de março de 2021 em Niterói/RJ e o deslocamento de mais de 500kg para Manaus. .

“Retornar o acervo a Manaus é proporcionar as novas gerações de arquitetos amazonenses a possibilidade de conhecer obras icônicas que foram demolidas recentemente. Com o Acervo, permanecerão disponíveis os projetos, fotografias e documentos para que possamos olhar para o futuro com essa bagagem de valor inestimável para a nossa cultura” diz Cereto, idealizador do NAMA. A missão científica para a curadoria, preparação e deslocamento para Manaus foi realizada pelo Professor Dr. Marcos Cereto com o apoio do Diretor da Faculdade de Tecnologia Dr. João Caldas do Lago Neto e a viabilidade institucional e logística da Reitoria da Universidade Federal do Amazonas com o Reitor Dr. Sylvio Puga.

Severiano Porto foi Professor Emérito da UFAM e faleceu em 11 de dezembro de 2020. Reconhecido como um dos principais arquitetos brasileiros teve atuação destacada no Amazonas. O NAMA preparará o acervo para a consulta de discentes, pesquisadores e arquitetos da Amazônia e realizará um espaço expositivo e cultural na Universidade para disponibilizar à sociedade parte da história do Estado do Amazonas pelo olhar do Arquiteto. “Este acervo foi mantido por Severiano Porto e acreditamos que será muito útil em Manaus no curso de Arquitetura da UFAM” diz Mario Porto, filho do arquiteto.

https://www.instagram.com/p/CMDZKLADUkV/?igshid=ajcx8au9ixj3